10 Sem Terras, Fuzil, Policiais Acusados, Moral e Conhecimento

Típica notícia triste que mostra o quão decadente está a nossa sociedade. 10 mortos, policiais acusados, fuzil, enquanto brasileiros não podem nem portar um 22.

Uma amostra da violência que ocorre dia-a-dia e o povo brasileiro não vê. E o pior, não enxerga as consequências.

Um lado diz que policiais foram recebidos a bala, o outro diz que os mesmos foram sádicos e mataram. Aqui podemos ver o conflito de dois grupos “demonizados”, os sem terra e policiais.

Sem julgar o acontecimento, vamos pensar sobre.

Os Sem Terra, são um grupo grande. Inclusive possuem características interessantes e outras não. No meio deles é possível encontrar pessoas honestas, que querem apenas trabalhar, tirar seu sustento da terra, e viver em paz. Produzem estudos e estoques sobre agricultura orgânica, familiar. E é claro, há os mal intencionados que usam os inocentes para conflitos. O viés negro da ideologia que os cerca.

Um dos pontos graves, possuíam armamento, incluindo um fuzil. Se o movimento Sem Terra pode ter fuzis enquanto o cidadão de bem não pode portar nem sequer um 22… Isso abre espaço para uma discussão mais ampla.

Do outro lado policiais. Supostamente recebidos a bala, de acordo o denunciante, sádicos. Não é segredo que policiais corruptos, são uma espécie de gente que detesto, mas os honrados, acredito que merecem toda proteção da sociedade.

Neste ponto as pessoas deixam de buscar justiça. E passam a torcer para o lado que simpatizam. Por essas e outras que vou lutar sempre para o direito ser tratado como ciência e jamais como coisas de comadres como é agora.

Vamos pensar, nas razões para esse tipo de conflito ocorrer.

1° Corrupção. Onde grande parte dos cidadãos se tornam vulneráveis. E acabam sendo seduzidos e cooptados  por ideologias aparentemente benéficas. Falta-lhe recursos básicos. Daí surge o capitalismo de estado, onde os amigos do “rei” se tornam grandes proprietários de terra ou empresários graças suas “habilidades”. Por essas e outras que a esquerda, neste ponto com razão, fala que não existe meritocracia. Realmente no Brasil é raro.

2° Ódio. O discurso constante dividindo pessoas e classes. Fazendo com que as mesmas ignorem o indivíduo e suas particularidades e os rotule. Assim julgando-os precipitadamente. Cometendo injustiça.

3° Impunidade.   A falta de justiça, justiça corrupta e seletiva. Faz com que os as pessoas desacreditem, com razão, no sistema jurídico atual. Isso faz com que os conflitos sejam resolvidos fora da esfera judicial, nem sempre da melhor forma. Infelizmente a justiça brasileira atende mais ao clamor de amizades e conchavos, do que os nobres princípios que deveriam nortear o judiciário.

Para construir uma sociedade de fato justa precisamos mudar o paradigma e incentivar o desenvolvimento moral aliado ao conhecimento.

O link da matéria está no link abaixo. Já deixo claro a achei a matéria tendenciosa.

https://www.msn.com/pt-br/noticias/brasil/policiais-mataram-10-sem-terras-e-depois-festejaram-diz-testemunha/ar-BBBzlxE

 

O Guardião do Povo

About O Guardião do Povo

Autodidata, acadêmico, eterno estudante, eterno aprendiz inconformado com ignorância e corrupção.

View all posts by O Guardião do Povo →