O Desaparecimento de Bruno e os Julgamentos

Tudo bem a pessoa dar opinião. Buscar conhecer. Nada disso é problema. Mas sair julgando baseado em achismo é triste.

Há uma grande diferença entre possibilidades e julgamentos. Diante de um caso, poderemos apontar possibilidades. Julgar de bate pronto, parece coisa de fanático.

Voltando ao caso do desaparecimento de Bruno. Se ele estiver vendo o que vocês estão postando. Vai ficar complicado o retorno, vocês estão dificultando para ele e a família. Pois é cada bobagem que surge. É cada liçãozinha de moral mais limitada que a outra. O que vocês conhecem dele e do caso? Nada. Então estão julgando porquê?

O mais tenebroso e desapontante. É que as piores postagens são de pessoas que deveriam ter o mínimo de conhecimento. São religiosos de palco, psicólogos de botequim, advogados, que por conhecimento da ciência jurídica, deveriam dar opiniões sensatas. Conhecer todos os possíveis caminhos da história. Mas…

O Guardião do Povo

About O Guardião do Povo

Autodidata, acadêmico, eterno estudante, eterno aprendiz inconformado com ignorância e corrupção.

View all posts by O Guardião do Povo →